QUAL O SEU LEGADO?

26 de outubro de 2014

Hoje participei de um evento familiar que chama-se a celebração do OBON. É um período do ano em que um monge budista vai na casa da família aonde se encontra “Botsudã” que é um tipo de capelinha budista. No caso da minha família o “Bodtudã” se encontra na casa do meu pai, que é o filho mais velho. No interior do Bustudã encontra-se fotos dos entes queridos que já se foram. O motivo de celebração é o agradecimento aos ancestrais e uma conexão com eles.

Para mim é uma continuidade de uma tradição familiar e também permite o re-encontro de parentes que na correria do dia a dia, dificilmente compartilhamos momentos juntos.IMG_3667

A pergunta muito poderosa que o Monge fez hoje, remete-nos a uma reflexão muito profunda sobre a nossa própria forma de viver e de nos relacionar consigo e com os outros.

A única verdade que sabemos da vida é que um dia morreremos. Seja você rico ou pobre, famoso ou pessoa comum, bonito ou feio, homem ou mulher. Uns partem mais cedo, outros mais tarde, mas todos sem exceção terão essa experiência.

Imagine então que ao partir você (isso segundo o budismo) encontrará no nirvana o ente mais querido para você que já se foi. Para você será um evento muito feliz.

Agora vem a pergunta do Monge: “Qual então o presente que você dará a ele?”

Tudo nessa vida passa. O que você gostaria de criar para ser parte de seu legado? Isso ajudará os outros? Influenciará pessoas? Deixará sua marca?

Uma ótima semana a todos.

Deixe uma resposta